among us

terça-feira, 1 de março de 2011

Viver sem parte de nós.

Eu sei que vocês querem ler coisas alegres. Eu gostava de escrever sobre coisas alegres. Mas estes dias...ai ai ai.
Infelizmente o meu irmão teve de ser novamente operado hoje e amputaram-lhe o dedo do meio. Não sabem ainda se será necessário tirar outros. Vocês não sabem o quanto eu adoro o meu irmão mas podem imaginar. Ele está a encarar tudo com o otimismo na medida do possível mas eu estou destroçada.
Já sei que era pior se fosse a mão inteira, ou um braço ou uma perna, mas  é mau. Vocês imaginam-se sem uma parte do vosso corpo, por mais pequena que seja?
Entre outras coisas já não vai poder fazer o gesto feio, jogar playstation (que ele tanto gosta) mas também coisas básicas como apertar um botão rapidamente e felizmente não foi da mão com que escreve.
E depois tem a parte estética. As pessoas reparam. Vejam o caso do Matthew Perry a quem falta só a ponta do mesmo dedo.

E depois há as pessoas como eu que numa conversa com um homem que conhecia já há 3 anos e ele me diz que fazia nesse dia anos de casado e eu digo: "Ah, não sabia que era casado. Bem, pelo menos usa a aliança na mão direita." Ao que ele me respondeu: "Mas se eu não tenho mão esquerda onde querias que a metesse?".
Gafe mais estúpida.

11 comentários:

MAG disse...

Caramba!! Ele continua longe? Que corra tudo bem. E muita força para ti.
BJs

Scarlet_Perry disse...

Imagino, querida! :(
Um irmao `e sangue do nosso sangue. Se ele sofre nos sofremos!
Muita forca para os dois! E nao t preocupes com a parte estetica: somos sempre olhados na rua, por mais perfeitos que sejemos! ;)

S* disse...

Ai essa realmente correu-te mal... ahahah

Panda disse...

MAG ele agora está internado num hospital em Tui (Vigo). Tem de ser tratado numa clínica espanhola, por causa do seguro. E transferiram-no de Madrid para Tui para estar o mais perto de casa possível para a minha cunhada o acompanhar pelo menos.

Scarlet,
tens razão mas ainda assim é difícil uma pessoa acostumar-se.

Obrigada a todas pelo apoio.

Luisinha disse...

Oooppsss...

teardrop disse...

Consigo imaginar o que sentes, amo a minha irmã mais do que tudo e quando ela fez um traumatismo craniano e não sabiamos o que ia acontecer vivi as piores horas da minha vida!
Espero que o teu irmão consiga ultrapassar as dificuldades! As melhoras para ele e muita força para ti! Beijinhos

*Sininho* disse...

Não deve ser fácil :( Que corra tudo bem! Muita força!

Jóh disse...

claro que é uma situação terrível, sendo com alguém que amamos. posso apenas imaginar (como bem disseste) mas basta-me isso para lembrar que poderia ser qualquer pessoa até uma da minha família, por isso te compreendo, e espero que o teu irmão não precise tirar mais. espero que fique bem, e que saibam lidar com isso da melhor maneira, tanto ele como tu. bjinho

Cláudia disse...

É o optimismo tuga, pelo menos não fica sem uma mão...

Espero que ele continue a reagir bem...
Beijinho

Nokas disse...

Que situação, espero que corra tudo pelo melhor!

*C*inderela disse...

força* que tudo corra pelo melhor.

Bjokas*