among us

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Hoje a minha mãe de 62 anos de idade esteve com 40º graus de febre no Centro de Saúde SEIS HORAS à espera de ser atendida pelo médico de família. Eu já estava num tal ponto ao ver o mal em que ela estava que já só conseguia chorar para não mandar com aquela merda toda pelos ares. Vivemos num país de merda. É nestas alturas que se vê como isto funciona, como os médicos estão se pouco cagando para os seus pacientes, como ficam mais de uma hora a atender uma paciente que sai de lá a rir-se e a dar-lhe dois beijinhos.
Quem não dá cabritinhos e outros que tais aos senhores doutores sujeita-se a não receber beijinhos e a estar SEIS HORAS doente à espera.
No Domingo passado o meu pai esteve 5h nas Urgências mas não esperou muito, esteve esse tempo todo porque teve de fazer raio X e vapores, etc. Mas a minha mãe esteve esse tempo todo para que lhe passassem o antibiótico, demorou menos de 5 minutos. Enfim...
Tirando a segunda em que fomos passar a noite fora, estou a precisar de férias destas férias.

8 comentários:

Sofia disse...

:(
As melhoras para a tua mãe.
Beijinhos para as duas

Luisinha disse...

Temos um sistema de saúde miserável!!! As melhoras para todos. Bjinho

*Lili* disse...

É realmente o país de me*da em que vivemos... eu lamento imenso pela situação que se causou por aí e desejo sinceramente as melhoras à tua mamã :(

Palavra Já Perdida disse...

Possas :S
as melhoras para ela *

TheWriter disse...

situação semelhante: Há cerca de uma semana fui ao Hospital aqui do concelho (sem urgências) e quis uma consulta com a minha médica de familia devido a suspeita de anemia. Mandaram-me voltar no dia seguinte antes das 9h da manhã. Eram 8:30 ja estava no hospital, tendo em conta que estavam 2 pacientes da minha médica à minha frente, só consegui sair às 11:40.
A verdade é que descobri que tinha o ferro a 18 quando devia estar entre 60-145, causa de desmaios frequentes e cansaço. E mesmo sabendo de todos os sintomas a médica fez esperar entre pacientes cerca de 20 minutos.

cairs disse...

:( que perfeitos idiotas

Bernardo disse...

é portugal

Paloma disse...

e eu estou desde agosto para conseguir marcar consulta para a minha médica de família. se fosse grave, mai valia atirar-me da ponte! =S Se não fosse tão triste, até dava para rir!