among us

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

A música

A música deixa-me tão feliz. Adoro ouvir música e assistir a concertos..
Este gosto pela música herdei-o do meu pai. Só para terem ideia os meus pais moram numa casa na aldeia rodeados de campos, nos quais cultivam. E o meu pai instalou um sistema de colunas nas árvores ao longo dos campos. De modo que pode ligar a aparelhagem em casa e andar nas vindimas e ouvir a música sem problema algum. Ouve ele, a minha mãe, os vizinhos (que ainda moram longe)... o meu pai dá música a toda a gente.
Ele é mais de 50% surdo, resultado de anos a trabalhar como carpinteiro, ao som de máquinas muito barulhentas, e com o rádio aos berros por cima do chinfrim. Com ele aprendi a gostar de tudo: pop, fado, rock, música popular portuguesa, jazz, mas acima de tudo de ouvir rádio mesmo. Foi devido ao amor à rádio que resolvi estudar Comunicação Social. O meu pai chamou ao nosso cão Pop. Uma música pode ajudar-nos a rir ou a chorar e há letras para cada estado do nosso coração.

8 comentários:

Bloguótico disse...

Música... um dos meus pontos fracoa, apesar de em certas alturas não prescindir de um som, mesmo que não consiga dizer kem é por nem estar atento a ele! :)

*Lili* disse...

Não podia estar mais de acordo. Música também é uma paixão minha embora não em termos profissionais mas sim de laser. Gosto muito :) E sim...eu também acho que casa música tem o seu significado.

http://realdreams-liliana.blogspot.com/

Nokas disse...

Sem dúvida um gosto para ser partilhado :)

S* disse...

Pop! A um cão. Lindo!

Moa disse...

Não vivo sem música :)

Petra disse...

adorei o teu post!!! E sim a música cada uma à sua maneira dá-nos sentido a vida...

Princess Charming disse...

Que lindo texto! Como a simplicidade pode ser tão bela, incrível...

Turista disse...

Querida Panda, eu também gosto de música, mas calma e baixinho, só para mim... quase intimista. :)